Engordei na quarentena, e agora? – Descubra as melhores dicas do que você pode fazer!

Engordei na quarentena, e agora? – Descubra as melhores dicas do que você pode fazer!

Se você também está pensando “engordei na quarentena, e agora?”, é melhor ter um pouco de calma e respirar fundo.

Até porque, este momento não está sendo fácil para ninguém e grande parte do mundo notou um aumento no peso.

Claro que você pode encontrar pessoas que fizeram desse momento uma oportunidade para mudar o corpo e se exercitar.

Ao menos nos primeiros meses.

Porém, chegando a mais de um ano de pandemia, manter o ritmo e a energia se torna um pouco mais difícil.

Por isso, separamos aqui as melhores dicas do que você pode começar a fazer para lidar com esse peso a mais e ainda manter a sua sanidade em dia.

Vamos lá?

1# Respira bem fundo, você precisa relaxar um pouco

engordei na quarentena

Para começar esse checklist, é essencial destacar que você precisa ter um pouco de calma quando o assunto é o ganho de peso.

Isso porque, é um tema que pode envolver a sua saúde física e mental.

Ou seja, chegar a qualquer decisão extrema é um verdadeiro erro.

A princípio, a regra é não entrar em desespero, já que isso não vai ajudar em nada.

Então, pense que você realmente ganhou peso, mas que o momento talvez não tenha ajudado muito.

Com isso, você começa a perceber os motivos que levaram ao ganho de peso.

Principalmente porque, muitas pessoas estão passando por algum tipo de dificuldade neste momento, onde a saúde mental não está realmente como deveria.

Portanto, é comum ouvir que todos estão mais deprimidos ou ansiosos, o que pode acabar resultado em uma compulsão alimentar.

Dessa forma, respire fundo, várias vezes, e tente relaxar um pouco, para entender melhor o que está acontecendo.

Inclusive, não deixe de conferir algumas receitas deliciosas e saudáveis que separamos para você.

É só clicar aqui!

2# Engordei na quarenta – Mudar é um processo

Ao contrário do que você pode ler em alguns sites por aí, a realidade é que não há como recuperar o que foi perdido.

Em outras palavras, se você engordou sete quilos em trinta dias, provavelmente não será capaz de perder esse número em cinco, vinte ou até trinta dias.

Isso porque, o emagrecer é um processo, onde você não consegue tornar tudo diferente da noite para o dia.

Logo, existe uma necessidade de se adaptar a um novo ritmo e que pode trazer diversos desafios.

Engordei na quarentena, e agora? – Descubra as melhores dicas do que você pode fazer!

Em geral, isso ocorre porque, para engordar, basta aumentar a quantidade de calorias que você consegue e reduzir a quantidade de calorias que gasta.

Assim, comer um pouco mais todos os dias e parar de fazer qualquer exercício, já é o bastante.

Porém, para emagrecer, você vai precisar mudar todo o seu cardápio, a sua rotina e até o seu modo de pensar.

Sendo assim, não é uma mudança que acontece em poucas horas.

A dica é começar a fazer pequenas alterações, em um processo contínuo, e ter calma para se adaptar.

3# Dicas práticas para seguir

Se o engordei na quarentena se tornou um verdadeiro problema para a sua saúde mental ou física, mudar é de extrema importante.

Porém, pode ser que você não saiba por onde começar.

Considerando o cenário atual, precisamos mudar um pouco a forma de comer e de seguir com os planos.

Afinal, é natural que você passe mais tempo em casa.

O que também abre as portas dos armários para lanchinhos extras.

Com isso em mente, existe um tripé de dicas que você deve seguir:

  • Evitar dietas restritivas;
  • Aumentar o consumo de água e sucos naturais;
  • Aprender a identificar a fome.

Em primeiro lugar, dietas restritivas devem ser cortadas do cardápio.

Ainda que funcionem durante um período, agora não é o melhor momento de testar, já que é um instante mais delicado.

Logo, aposte em uma reeducação alimentar.

Em segundo lugar, aumentar o consumo de água e sucos naturais ajuda no controle da fome, evita o consumo de bebidas calóricas e fornece mais energia.

Com isso, você consegue fazer mais coisas.

Em terceiro lugar, você precisa começar a prestar atenção no seu corpo, para saber quando está com fome e quando está com vontade de comer.

Para isso, veja qual é o seu desejo: a fome faz você comer qualquer coisa, a vontade é sempre de algo específico.

Além disso, se você manter uma reeducação, comentado a cada três horas mais ou menos, é improvável que tenha fome durante esses intervalos.

Inclusive, a rotina pode ser a sua melhor amiga na quarentena. Defina horários para seguir!

4# Faça um detox de açúcar – Engordei na quarentena!

Engordei na quarentena, e agora? – Descubra as melhores dicas do que você pode fazer!

O açúcar é um dos principais problemas da quarentena, já que o desejo por doces pode levar qualquer um a loucura.

Justamente por isso, tem surgido o tema de detox de açúcar, que você pode começar a fazer agora.

A ideia é começar a reduzir o consumo de todos os alimentos ricos em glicose.

Entretanto, no momento atual, você não precisa fazer o corte total ou mesmo com a quantidade de dias da dieta.

A dica é começar de forma mais leve, para evitar qualquer compulsão.

Além de ajudar com o controle de peso, pode evitar uma série de problema de saúde, como a diabetes.

5# Cuide-se todos os dias!

Por fim, esse post de engordei na quarentena não poderia deixar de dar como dica essencial o ato de cuidar de si mesma.

Afinal, o momento não é dos melhores e esse autocuidado faz toda a diferença.

Por isso, a dica é começar a ter mais consciência de você, considerando seus limites, acertos e falhas, aprendendo com cada erro.

Da mesma forma, ao invés de usar esse ganho de peso como algo negativo ou mesmo como um erro terrível, foque em entender porque ele aconteceu.

Seja porque você não estava bem, porque tudo ficou mais complicado e você foi deixando o cuidado de lado, etc.

Respeitar o seu corpo e a si é essencial para uma saúde mental de qualidade, o que também eleva a sua saúde física.

Dessa maneira, você vai conseguir fazer mais exercícios, se alimentar melhor e ter uma rotina que funcione.

Aproveite para conferir também:

 

Enfim, se você ainda ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre esse tema, não deixe de comentar aqui embaixo.

Aproveite também para compartilhar as suas dicas e experiências com nossos leitores.

Grande abraço e até o próximo post!

Sending
Avaliação
0 (0 votes)

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.